terça-feira, 29 de maio de 2012

Água na boca: Bolo de chocolate com vinho


Dizem que a gente conquista a pessoa amada pela boca. Por isso, nada melhor do que preparar uma refeição especial para o Dia dos Namorados. A Selmi – detentora das marcas Renata e Galo – elaborou sugestões com ingredientes deliciosos para fisgar o coração do (a) pretendente. Aproveite!

Ingredientes
1 Mistura para Bolos Renata sabor chocolate

Calda para umedecer o bolo
·   2 colheres de achocolatado em pó
·   1 copo de leite

Cobertura
·   300 g de chocolate meio amargo
·   1 caixa de creme de leite
·   1 colher de sopa de vinho do Porto ou vinho licoroso (opcional)

Modo de preparo
Prepare a Mistura para Bolos Renataconforme as instruções da embalagem. Logo após, umedeça o bolo com a calda preparada com a mistura do achocolatado e o leite. Derreta o chocolate em banho maria e misture o creme de leite e o vinho. Cubra o bolo com essa mistura e leve a geladeira.

Rendimento: 10 porções
Tempo de preparo: 1 hora
Fonte: Selmi Assessoria

Bebericando: Salton comemora o Dia dos Namorados


Os vinhos e espumantes são bebidas marcantes e românticas, presentes ideais para compartilhar com a pessoa amada

 O Dia dos Namorados no Brasil é comemorado em 12 de junho. A data é conhecida por corridas ao shopping, restaurantes lotados e muitos casais apaixonados renovando os votos de amor eterno. Para comemorar o dia em grande estilo, nada melhor do que presentear a pessoa amada com vinhos e espumantes, que são bebidas românticas e envolventes.  A sommelier da Vinícola Salton, Carina Cooper, indica quatro sugestões especiais: Salton Gamay 2012, Salton Desejo, Salton Flowers e Salton Moscatel.
O Salton Gamay 2012 é conhecido como o primeiro vinho da safra, elaborado para festejar o fim da colheita. O objetivo é obter uma bebida leve, com pouca intensidade colorante e uma pequena quantidade de taninos. O novo rótulo do Salton Gamay harmoniza com as principais características deste produto, que possui coloração roxa, com notas de frutas como ameixa preta, pêssego, amora, framboesa e mirtilo, além de apresentar um sabor fresco com excelente permanência de sabor no paladar. Nesta edição, o Gamay conta com um rótulo exclusivo, desenvolvido pelo artista plástico Gustavo Rosa.
De acordo com a especialista, o Salton Desejo é um tinto de guarda elaborado com a variedade de uva merlot. “O vinho possui cor roxa violácea intensa e aromas complexos de baunilha, coco, tabaco, frutas negras (amora, ameixas secas, framboesa, mirtilo) e pimentas secas. Tem paladar elegante, cremoso e concentrado, faz harmonização com carnes vermelhas, queijos fortes e carnes de caça”, explica.
Já o Salton Flowers reúne os mais expressivos e agradáveus aromas da natureza. O vinho é elaborado com a variedade de três uvas: Gewürztraminer, que empresta seu aroma de flores (rosas), especiarias e seu sabor picante, a Malvasia, que contribuiu com o aroma de frutas cítricas e o Moscato, que cede seu sabor forte e pronunciado. É ideal para ser harmonizado com saladas, frutos do mar, peixes, culinária tailandesa, frango assado e salada de frutas.
Salton Moscatel é um espumante doce e aromático (floral e frutado). Elaborado com uvas de variedade Moscato, o espumante é fermentado em tanques de aço inoxidável hermético à baixa temperatura, com fermentos selecionados específicos para que o produto preserve os aromas primários da variedade. Harmoniza com sobremesas doces (tortas, salada de frutas, mousse, pudim, glacê, cremes e sorvete), pizzas, biscoito e queijo gorgonzola. Também pode ser servido como aperitivo.
Todos os produtos estão à venda em casas especialistas de todo o País, inclusive na loja física e virtual da Vinícola Salton.

SERVIÇO
Loja Virtual:

Dica do blog:Don Bistrô oferece Jantar Harmonizado


(Foto: ilustrativa)

Cardápio especial será acompanhado por vinhos da importadora Ruby Wines

O Don Bistrô está preparando uma noite especial, com um jantar harmonizado para a próxima quarta-feira (30). Os clientes terão a oportunidade de degustarem vinhos da importadora Ruby Wines, selecionados pelo sommelier Cláudio Gomes. Para acompanhar, pratos especiais foram elaborados pelo chef Sebanias Peixoto.
Marcado para começar às 20h30, o jantar terá como primeiro prato o Risoto de Pato Confit com figos frescos. O segundo será Costelas Bovinas, marinadas em vinho tinto, em cama de cebolas, servidas com batatas coradas e alecrim. Finalizando com o requinte de uma boa sobremesa, o jantar contará com deliciosas mangas flambadas, servido com sorvete de laranja e contreau.
As receitas foram selecionadas de maneira especial. “Este cardápio foi preparado para trazer satisfação a quem gosta da boa culinária e bons vinhos”, explica o proprietário do Don Bistrô, Marcelo Florêncio.
Para harmonizar com os pratos elaborados pelo chef Sebanias Peixoto, o sommelier Cláudio Gomes selecionou o vinho Glodridge Merlot, que traz um aroma denso e complexo. Também será oferecido o conhecido Bremerton Shiraz, que possui coloração vermelha intensa e realça a característica varietal da fruta.
Nesta noite o Don Bistrô também oferece um desconto especial de 15% para quem comprar os vinhos da Ruby Wines. Além disso, a importadora traz uma oferta especial. Na compra de um rótulo, o cliente tem a opção de levar um segundo por um preço simbólico.

SERVIÇO
Don Bistrô
Endereço: Vila Luiz Salvador, na Estrada União e Indústria, 10.550 – Itaipava.
Reservas pelo telefone (24) 2222-6226

segunda-feira, 28 de maio de 2012

Dica do blog: Cozinhar no Inverno é sopa!


No Brasil, quando algo é fácil de ser executado, costuma-se dizer que “é sopa”. No entanto, segundo Chef Lino, para se preparar uma boa sopa, são precisos ingredientes de boa qualidade e conhecimento de técnicas. A grosso modo, a sopa nada mais é do que um cozido de alimentos em meio líquido. “A sopa além de ser muito saudável, nos ajuda a diminuir as pequenas sobras das geladeiras. Pedaços de cebola, cenoura, abobrinha e queijos são sempre bem vindos”, diz Chef Lino.
Aprenda a fazer uma boa sopa para esquentar este inverno:

Sopa de Cartilagem de Salmão

Ingredientes
500 g de Espinhas e Cabeça de Salmão
2 Tomates Maduros
1 Mandioquinha
1 Cenoura
1 Abobrinha
2 Cebolas
5 Dentes de Alho
1 Folha de Salsão
1 Xícara de Arroz
Sal

Preparo
Lavar bem a cabeça e as espinhas do peixe e colocar na panela de pressão, junto com todos os outros ingredientes picados grossamente. Em seguida, cobrir com água e temperar com pouco sal.
Depois de 15 minutos de pressão, descartar o salsão e a cabeça do salmão. Tirar os pedacinhos de peixe restantes na espinha e reservar. Bater todos os legumes junto com as espinhas no liquidificador, peneirar e voltar ao fogo. Adicionar água se necessário, juntar o arroz e esperar o cozimento do mesmo. Acerte o sal, adicione os pedacinhos separados do salmão e aprecie a sopa bem quente.

Sobre o Chef Lino
Chef Lino, que atua com a gastronomia italiana, é formado pela Escola Alberghiera Santa Marta, em Pesaro, na Itália. Há mais de 25 anos é proprietário da Cantina Bella Itália, situada em Bragança Paulista e seguidora dos costumes e tradições trazidos da região molisana.  Atualmente, é Presidente da Associação de Bares e Restaurantes Sabores de Bragança e Presidente do Conselho Municipal de Turismo da cidade. É autor do livro “Histórias e Receitas dos Sabores de Bragança” e leciona cursos para garçons. Além disso, foi o Chef Revelação da Feinco 2011 (Feira Internacional de Caprinos e Ovinos).  Suas receitas e programas podem ser acessados através do site: www.saboresdebraganca.com.br.


FONTE: Assessoria

Bebericando: Smoothie de Café



Deu vontade de tomar uma bebidinha a base de café? Então, aproveite para deliciar-se!

Ingredientes
2 colheres (chá) de café solúvel
1 colher (chá) de chocolate em pó
Canela em pó a gosto
1 ½ xícara (chá) de leite desnatado (ou semidesnatado)
½ copo (americano) de cubos de gelo
3 gotas de Stévia 100% ou 1 envelope de Stévia 100%

Preparo
No liquidificador, bata o café solúvel, o chocolate, a canela, o leite, os cubos de gelo e a Stévia 100%. Sirva.

Rendimento: 300 ml                                                                        
Valor calórico por porção: 136 kcal

quarta-feira, 23 de maio de 2012

Dica de leitura: A Cozinha Rápida de Ana Maria Braga



A apresentadora reúne receitas ligeiras, econômicas e saborosas
        
Há 13 anos à frente do programa Mais Você, Ana Maria Braga se tornou uma expert da culinária. Sempre em função de auxiliar seu público, a apresentadora lança pela Agir o livro A cozinha rápida de Ana Maria Braga, que ensina receitas ágeis e de fácil preparo, mas sempre saborosas.
A ideia surgiu quando, em conversas com seus amigos, Ana Maria percebeu que a falta de tempo é um dos males da vida moderna. Era preciso dar uma solução àqueles que buscam refeições práticas e apetitosas, sem apelar para o fast food. A apresentadora então reuniu 75 refeições − divididas em entradas, acompanhamentos, pratos principais, lanches e sobremesas −, que podem ser preparadas rapidamente, sem atrapalhar os outros afazeres do dia a dia. Cada etapa da execução é acompanhada de ilustrações, facilitando o desempenho do leitor.
A concepção, as receitas e as dicas apresentadas em A cozinha rápida de Ana Maria Braga são assinadas pela própria apresentadora, que declara na apresentação que cozinhar é uma das suas grandes paixões. O resultado pode ser visto nas páginas deste livro, que reúne o esforço de uma equipe competente e dedicada.
        
SOBRE A AUTORA
Ana Maria Braga, paulista de São Joaquim da Barra, é bióloga e jornalista. Sua estreia na televisão foi na antiga Tupi, onde apresentou telejornais, shows e um programa feminino ao vivo. Retornou ao ar em 1992, dirigindo, produzindo e apresentando por sete anos o programa Note e Anote na Rede Record. Desde 1999 está à frente do matutino Mais Você, na Rede Globo. Em 2010 lançou pela seu primeiro romance, À espera dos filhos da luz. Pela Agir, já publicou Dicas de quase tudo e o livro de receitas Chef em casa.


Blog indica: Spaghetti Ao Pesto de Hortelã e Carré de Cordeiro


Spaghetti Ao Pesto de Hortelã e Carré de Cordeiro

Dizem que a gente conquista a pessoa amada pela boca. Por isso, nada melhor do que preparar uma refeição especial para o Dia dos Namorados. A Selmi – detentora das marcas Renata e Galo – elaborou sugestões com ingredientes deliciosos para fisgar o coração do (a) pretendente. Aproveite!

Ingredientes
1 pacote de Macarrão Renata Superiore tipo Spaghetti 8 (500 g)

Tempero do Carré de cordeiro
 500 g de carré de cordeiro;
 1 ramo de hortelã só as folhas picadas
 1 xícara (chá) de vinho tinto seco
 1 colher (chá) de sal
 pimenta a gosto

Molho Pesto de Hortelã
 1 xícara (chá) de folhas de hortelã
 1 xícara (chá) de Azeite Extra Virgem Renata Superiore
1 pacote de Queijo Parmesão Renata   Formaggio (100g)

Decoração
Meia xícara (chá) de amêndoas inteiras torradas

Modo de preparo

Macarrão
Cozinhe o macarrão Renata Superiore tipo Spaghetti 8, conforme as instruções da embalagem.

Tempero do carré de cordeiro
Tempere os carrés com vinho, hortelã, sal e pimenta. Deixe marinar (em descanso) por 30 minutos. Em seguida, numa frigideira média, em fogo médio, aqueça o Azeite Extra Virgem Renata Superiore e doure os carrés.

Molho pesto de hortelã
No liquidificador, junte a hortelã, o Azeite Extra Virgem Renata Superiore e o Queijo Parmesão Renata Formaggio (100g). Bata até obter uma pasta homogênea. Cozinhe o macarrão Renata Superiore tipo Spaghetti 8, conforme as instruções da embalagem. Sirva porções individuais do macarrão envolvidos ao molho pesto ao lado do carré de cordeiro e decore com as amêndoas torradas.

Rendimento: 4 porções
Tempo de preparo: 40 minutos

Água na boca: Tortinha de Pêra



Que tal uma tortinha de pêra leve e fácil de fazer? Essa  é a dica da cozinha Tal e Qual para essa semana! Aproveite e... diminua calorias.


Ingredientes
Recheio
3 pêras Williams grandes, sem casca, picadas em cubinhos
1 colher (sopa) de Tal e Qual (2 g)
½ colher (sopa) de suco de limão

Massa
 2 xícaras (chá) de farinha de trigo
3 ½ colheres (sopa) de Tal e Qual (7 g)
1 ovo
½ xícara (chá) mais ½ colher (sopa) de óleo de canola
canela em pó para polvilhar
1 gema para pincelar

Preparo
Faça o recheio: cozinhe as peras junto com o adoçante, o suco de limão e 1 ½ xícara (chá) de água, em fogo baixo, em panela semitampada, por cerca de 15 minutos, ou até as peras ficarem ligeiramente transparentes e absorverem todo o líquido. Deixe esfriar.
Prepare a massa: misture a farinha de trigo com o adoçante. Acrescente o ovo e o óleo e misture com as mãos. Dê o ponto com água, até formar uma massa um pouco quebradiça.
Abra a massa entre dois sacos plásticos (dessa maneira ela não grudará na mesa) em espessura bem fina (2 mm). Cubra formas de tortinhas (9 cm de diâmetro) com a massa e recheie-as com as peras. Polvilhe canela em pó por cima.
Corte tiras de 0,5 cm da massa aberta restante com uma faca e cubra as tortinhas com as tiras entrelaçadas. Pincele-as com a gema e asse em forno médio (180°C), pré-aquecido, por cerca de 25 minutos, ou até a massa dourar. Deixe amornar e desenforme as tortinhas. Sirva-as frias ou quentes, acompanhadas de sorvete de creme diet.

Rendimento: 6 tortinhas (90 g cada)
Tempo de preparo: 1 hora
Variação: você pode trocar as peras por maçãs. Experimente também, em vez de assar várias tortinhas, assar uma torta maior em uma forma de 20 cm de diâmetro.

Informação Nutricional –
1 tortinha (90 g)
Valor calórico (kcal)
352,3
Carboidratos (g)
44,4
Proteínas (g)
6,4
Lipídios (g)
17,1
Fibras (g)
3,9

Blog informa: Dia Nacional do Café


Amanhã, dia 24 de Maio, comemora-se o Dia Nacional do Café. Que tal saborear 
um café delicioso no Duetto's? (Foto. Francis Leoni)
  
O Duetto’s Café tem a solução perfeita para aquele seu cafezinho do almoço ou no fim da tarde, mesmo nos dias mais quentes.  Uma infinidade de opções que prometem balançar suas idéias no que diz respeito ao bom e velho café.
 A linha Ice, apresentada nos sabores Chocolate e Capuccino, e que já conquistou muitos fãs, agora chega com mais uma novidade: Ice Chocoblanco (chocolate branco cremoso). Mas não pára por aí. Os grandes astros da linha de drinques são o Milkshake de café, o Espresso Latte (espresso batido com gelo e leite gelado) e o Geo (espresso, essência, gelo e leite gelado), líderes absolutos de pedidos.
Se a pedida for um petisco, o cardápio não faz por menos. Os rolinhos de carne seca servido com cream cheese ou de queijo coalho com geléia de pimenta, apresentados durante o Circuito Bier Gourmet, já conquistaram seu lugar ao sol, e claro, como todo bom petisco, vai muito bem com uma cerveja bem gelada.
Mas se você quer fazer aquele lanche sem ficar com aquela sensação de que comeu demais, existem excelentes opções. As Tortillas, apresentadas nas versões: Salmão defumado com cream cheese e alface e carpaccio de carne com pesto de rúcula e lascas de parmesão, ambas acompanhadas de salada de folhas e os pastéis de forno nos sabores camarão com alho poro e catupiry, bacalhau e tomate seco com queijo minas e manjericão merecem destaque.
Além disso, a cozinha também oferece opões de massas para almoço e jantar. Um verdadeiro Oasis de sabores e temperos comandado pela chef Joana Menescal e com o charme e a simpatia  da casa que já virou mania em Petrópolis.

SERVIÇO
Duetto’s Café - Galeria Gelli
Rua o Imperador, 856 loja 11 – Centro, Petrópolis – RJ
Funcionamento de segunda à sábado das 09:00h às 19:30h
(24) 2235-6762

Duetto’s café - Museu Imperial
Rua da Imperatriz, 220 Centro
Funcionamento: terça, quarta e domingo das 10h às 18h
Quinta, sexta e sábado, das 10h às 22h
 (24) 2243-2952

terça-feira, 22 de maio de 2012

Receita do blog: Bolo de caneca


Foto: ilustrativa
Os bolinhos rápidos são uma delícia e muito práticos de preparar. O melhor de tudo é que com apenas três minutos no micro-ondas, você pode preparar bolos de caneca irresistíveis – e sem precisar untá-la.

Ingredientes
 1 gema
6 colheres (sopa) de leite condensado
1 colher (sopa) de margarina
1 colher (sopa) de leite
2 colheres (sopa) de chocolate em pó
5 colheres (sopa) de farinha de trigo peneirada
1 colher (café) de fermento em pó
1 clara batida em neve

Preparo
Em uma tigela coloque a gema, o leite condensado, a margarina, o leite, o chocolate em pó e bata por 3 minutos. Depois, acrescente a farinha, o fermento e misture bem.  Junte a clara em neve e incorpore à mistura.  E, por último, distribua a mistura nas canecas, asse no micro-ondas em potência alta por 3 minutos ou em forno convencional, preaquecido, a 180 ºC durante 25 minutos.  Decore a gosto.  
Se quiser, faça furos com um palito e despeje leite condensado misturado com o chocolate. Rendimento: 2 porções


Dica de leitura: O mundo à mesa


Chef Kumalé conduz os leitores por deliciosa viagem gastronômica
   
Os hábitos alimentares não devem ser criticados apenas pelo fato de serem diferentes dos nossos. É preciso, ao contrário, explicá-los e compreendê-los, considerando o contexto em que foram gerados, para que assumam um significado e uma razão de ser.”
Por que o vinho é proibido para os muçulmanos, os hindus não comem carne de vaca e os judeus alimentam-se apenas de animais que têm o casco dividido e são ruminantes? As respostas estão em O mundo à mesa – preceitos, mitos e tabus da gastronomia, lançamento da Saberes Editora.
Esta obra trata dos diversos aspectos que definem os hábitos alimentares dos seres humanos: a religião, as festividades, o tipo de comida e a história gastronômica de algumas regiões, principalmente daquelas de tradição imperial. O autor deste verdadeiro manual gastronômico é o jornalista italiano Vittorio Castellani, sob o pseudônimo Chef Kumalè. Nascido nas tradições culinárias da Itália – um dos países mais apetitosos do mundo ocidental – além de “gastrônomade” e pesquisador dos hábitos alimentares mundiais, ele escreve para diversas publicações italianas e leciona na Universidade de Ciências Gastronômicas de Pollenzo.
No apêndice do livro, o leitor se depara com algumas receitas exóticas, como sopa de cobras, escorpiões amarelos e galinha velha, um prato típico chinês. E ainda descobre do que é feita a iguaria Bhang lassi, bebida típica da cidade indiana de Benares preparada com maconha, leite e especiarias. Por estas razões, além de poder ser usado como um guia para evitar situações “amargas” durante viagens, O mundo à mesa – preceitos, mitos e tabus da gastronomia é uma obra indispensável para profissionais, estudantes e amantes da gastronomia e um livro “ao ponto” para o leitor curioso.
E por que ler O mundo à mesa? Porque o autor acompanhou de perto o crescimento do nicho editorial de gastronomia nos últimos anos, que encheu prateleiras de livrarias e criou novas editorias em jornais e revistas. Mas o conteúdo dos guias sobre o assunto nem sempre é relevante. Há muito sobre “o que e onde comer”, muitas compilações de receitas, mas pouco estudo dos hábitos alimentares, algo inaceitável em um mundo cada vez mais globalizado e com pessoas aventurando-se em culinárias dos quatro cantos do mundo.
Como pesquisador, Kumalè acredita que a gastronomia é muito mais do que comida, porque os seres humanos são os únicos animais que não comem apenas pela necessidade de nutrientes. Sua visão transforma esta obra em um guia antropológico e histórico da alimentação humana ao redor do planeta.

FICHA TÉCNICA
Páginas: 240
Dimensões: 21x15 cm
ISBN: 978-85-62844-18-8
Preço: R$ 29,00

SOBRE O AUTOR
O jornalista italiano Vittorio Castellani é o chef Kumalè, um “gastronômade” por excelência, além de ávido pesquisador de hábitos alimentares do mundo. Professor da Universidade de Ciências Gastronômicas de Pollenzo, na qual participa do projeto “Rotas dos Gostos”, também ensina e orienta alunos do mestrado em enogastronomia e da Universidade de Siena. Além disso, é colunista de importantes revistas de gastronomia e turismo europeias e mantém o site Couscous Clan: www.ilgastronomade.com 
Conheça outros livros do catálogo da editora: www.sabereseditora.com.br

Bebericando: Vai um café indiano?


Dia 24 de maio é o Dia Nacional Do Café... O blog publica receita que recebeu diferente e deliciosa para comemorar a data.  Aproveite!

Ingredientes
1 xícara (chá) de Café Solúvel Gourmet Iguaçu
1 xícara (chá) de leite
½ xícara (chá) leite condensado
½ colher (chá) de canela em pó
1 pitada de cravo-da-índia em pó
1 pitada de noz-moscada
2 colheres (sopa) de chocolate amargo ralado
2 colheres (sopa) de creme de leite

Preparo
Em uma panela coloque o café, o leite, o leite condensado, a canela, o cravo da índia, o chocolate amargo e a noz-moscada. Leve ao fogo até quase ferver. Desligue, misture o creme de leite e distribua a bebida em xícaras altas. Sirva imediatamente.

Rendimento médio:
2 porções.
Tempo de preparo: 
15 minutos

(*) Crédito - foto e receita: Cozinha Café Iguaçu

Dica do blog: conheça os tipos de tomates


O tomate é um alimento universal e integra o cardápio de quase todos os países Segundo informações, o tomate surgiu na América do Sul, na região da cordilheira dos Andes, que envolve Peru, Chile, Equador e Colômbia. O fruto foi levado para a Europa entre os séculos 15 e 16, no período das Grandes Navegações.
Em molhos, saladas, drinques e até mesmo puro, o tomate é quase uma unanimidade na cozinha. Difícil achar quem não goste desse fruto vermelho com centenas de variedades disponíveis no mercado mundial.
Cereja, pera e sweet grape (uva doce, em inglês) são as três espécies nanicas mais comuns encontradas no Brasil. As duas últimas variam do tomate-cereja, cujo sabor é mais ácido e a polpa é quase inexistente para fazer caber ali dentro uma infinidade de sementes. Por causa dessas desvantagens, produtores apostaram no cultivo de outros tipos, mais carnudos e doces, cativando o paladar da maioria das pessoas, inclusive das crianças.
Entretanto, no Brasil, os tomates mais comuns são Débora, Carmem, caqui, italiano, holandês – ou em cachos –, momotaro, cereja, pera e sweet grape. Desses, o menos apetitoso é o Carmem. É um fruto modificado, classificado pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) como “longa-vida”. Não é vendido “na caixinha”, mas é quase como se fosse. Afinal, foi planejado para resistir ao impacto do transporte e para durar mais tempo na feira, no supermercado e na sua casa, podendo sobreviver, fora da geladeira, por mais de 15 dias.
Apesar da vantagem aparente, o Carmem perde inúmeros pontos nos quesitos sabor e aroma. Quase não tem gosto, é branquicento por dentro e mais ácido – impossível fazer um molho com ele. Por causa disso, costuma ser usado em saladas bem temperadas.
Conheça os tipos de tomates e utilize melhor suas espécies na cozinha.

SAÚDE À MESA
Fonte em Licopeno, substancia antioxidante que combate os radicais livres e retarda o envelhecimento dos tecidos, segundo pesquisas recentes o Licopeno age na prevenção de diversos tipos de câncer, inclusive o de próstata. É ele que confere a cor vermelha ao tomate e pode ser encontrado em menor quantidade na melancia, goiaba, morango e no mamão. Quanto mais intensa a cor do tomate, mais rico em licopeno ele será. Por ser uma substância carotenóide, o licopeno é melhor absorvido na presença de gorduras monoinsaturadas, a gordura saudável. Por isso, sempre que for preparar ou comer algo a base de tomates acrescente 1 fio de azeite de oliva extra virgem.



FONTE: Pesquisa

segunda-feira, 21 de maio de 2012

Dica do blog: A Hora e a Vez do Milho


Esta é a semana do milho, comemoração alusiva ao Dia do Milho, que é celebrado anualmente no dia 24 de maio. Essa celebração se justifica: produto nativo das Américas, o milho está incorporado à culinária e à cultura do brasileiro desde mesmo antes do descobrimento do Brasil, em 1500, pois o cereal já era uma das fontes de alimentos dos indígenas brasileiros.
Um dos grãos mais cultivados do planeta, o milho é uma das mais importantes culturas brasileiras. Ele é, ao lado da soja, o produto mais cultivado no país, ocupando 15,4 milhões de hectares, área que deverá produzir 65 milhões de toneladas do grão, conforme estimativas da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.
Sua importância é explicada por sua versatilidade. O milho tem mais de 150 aplicações, sendo o principal insumo na alimentação de aves, suínos, gado de leite, peixes e outras criações. O grão também participa do processo de produção de papéis, têxteis, medicamentos, tintas e diversos outros produtos industriais.
Sua mais nobre utilização, entretanto, é na alimentação humana: na forma de milho verde, pamonha, creme de milho, canjica, pipoca, canjiquinha, cuscuz, pães, bolos, biscoitos, dentre dezenas de outros produtos.
Sua aceitação e popularidade podem ser medidas por sua participação na cozinha do brasileiro e até no nosso folclore: o milho é uma das estrelas das tradicionais festas juninas, largamente consumido sob a forma de pamonha, pipoca, milho verde etc.
Comemore a Semana do Milho com uma das receitas especialmente selecionadas pela Associação Brasileira da Indústria do Milho (Abimilho) para você. 

Canjicada Goiana

Ingredientes
500g de milho para canjica amarela
1 lata de leite condensado
500ml de leite
1 vidro de leite de coco
2 paus de canela
coco ralado
amendoim torrado e moído
açúcar a gosto

Preparo
Lave o milho para canjica. Em seguida coloque-o em uma panela de pressão, enchendo-a quase pela metade com água (um pouco menos da metade), com a canela em rama.
Quando der pressão, coloque em fogo médio e aguarde cerca de 40 minutos.
Ao final do tempo, abra a panela e confira o cozimento.
O milho deve estar bem molinho, pois o leite tende a endurecer um pouco o produto.
Quando estiver cozido, acrescente o leite, o leite condensado, o leite de coco, o coco ralado e o açúcar.
Deixe ferver com a panela destampada, até engrossar.
Sirva quente com amendoim moído à parte, para quem o desejar. 


Broa de Fubá com Coco 


Ingredientes
2 xícaras (chá) de fubá
1 e ½ xícara (chá) de farinha de trigo peneirada
4 xícaras (chá) de leite
2 xícaras (chá) de açúcar
½ xícara (chá) de manteiga
1 xícara (chá) de coco ralado
1 e ½ colher (sopa) de fermento em pó
3 ovos

Preparo
Bater no liquidificador os ovos, açúcar, leite e a manteiga até obter uma mistura homogênea. Coloque a massa em uma tigela, adicione o fubá, farinha de trigo, o coco ralado e o fermento e misture bem. Despejar em tabuleiro untado e assar em forno quente por 30 minutos. Povilhar açúcar refinado com canela sobre a broa ainda quente e servir.

Bolo de Fubá de Micro-Ondas

Ingredientes
1 xícara (chá) de leite quente
1 ½ xícara (chá) de milho “flocão”
1 xícara (chá) de açúcar
1 xícara (chá) de farinha de trigo
3 ovos
 1 xícara (chá) de leite de coco
1 xícara (chá) de coco ralado (reserve 1 colher (sopa) para untar o pirex)
1 colher (chá) de canela em pó
1 colher (sobremesa) de fermento em pó químico
1 colher (chá) de margarina para untar.

Cobertura
½ xícara (chá) de leite
6 colheres (sopa) de achocolatado em pó.

Preparo
1.Bata no liquidificador o leite quente com o milho “flocão”
2. Acrescente o açúcar, a farinha de trigo, os ovos, o leite de coco, o coco ralado e a canela em pó.
3. Por último, misture o fermento e continue batendo.
4.Unte um pirex com a manteiga e polvilhe com o coco reservado, coloque a massa do liquidificador e leve ao microondas por 12 a 15 minutos. Desinforme depois de frio.
5.Cobertura: Misture bem o leite e o achocolatado e coloque por cima do bolo, depois de assado.

FONTE: Abimilho Assessoria

Água na boca: Penne ao molho de carne seca e requeijão

O frio e a temperatura mais baixa tornam-se o momento ideal para saborear um prato quente. Com pedaços de carne seca picada e queijo parmesão, a receita tem toda praticidade para fazer em casa para toda família. Segue abaixo o passo a passo desta receita enviara ao blog pela Risotto Mix.


Penne ao molho de carne seca e requeijão

Ingredientes:
200g penne (porção já cozida)
100ml molho de requeijão
50g carne seca
20g tomate (picado)
1 pitada de salsinha (picada)
20g queijo parmesão (em lasca)
50 ml caldo  

Modo de Preparo: No microondas, aqueça o caldo brodo (caldo de legumes) e a porção de penne já cozida por aproximadamente 3 minutos. Em uma frigideira, aqueça o molho de requeijão com a carne seca e adicione o tomate. Acrescente uma pitada de salsinha e as lascas de queijo parmesão sobre o penne. Gratine o prato por aproximadamente 30 segundos e sirva.

Molho de Requeijão
Ingredientes:
500ml de molho branco 
300g de requeijão
5L de leite

Modo de Preparo: Ferva o leite em uma panela grande e quando estiver perto do ponto de fervura, adicione o requeijão e mexa com frequência. Misture o molho branco e deixe ferver por 5 minutos. Com o fuê, mexa até o final para que não queime.


Curiosidade: Chicabon completa 65 anos



1 - Chicabon, o picolé mais famoso do Brasil, que completa 65 anos, foi o primeiro do país e o segundo sorvete a ser lançado pela Kibon, em 1942, logo depois do Eski-bon. O sorvete no palito mantém até hoje a mesma fórmula, que o diferencia do mero sorvete de chocolate: além do leite e do chocolate, leva malte.
2 - A fórmula de sucesso era um negócio da China. Antes de chegar por aqui, o picolé já era fabricado pela empresa americana U.S. Harkson no país oriental. Diante da ameaça de guerra entre China e Japão, o dono decidiu fugir com a empresa para o Rio de Janeiro. Por aqui, a Harkson virou Sorvex e, depois, Kibon. A composição foi alterada para se adaptar ao paladar mais doce dos brasileiros.
3 - Além do sucesso nas padocas e botecos de esquina, o picolé foi eternizado nos textos do dramaturgo Nelson Rodrigues, que dizia que "é preciso alma até para chupar um Chicabon" e que "sem sorte não se chupa nem um Chicabon. Você pode engasgar com o palito ou ser atropelado pela carrocinha".
4 - A origem do nome da guloseima é controversa. A versão oficial diz que Chicabon é uma homenagem carinhosa às tantas mulatas cariocas chamadas Francisca (ou Chica), nome comum na época. Outra, mais romântica, conta que um americano da empresa caiu de amores por uma negra chamada Francisca e decidiu declarar o seu amor no nome do picolé.
5 - Nos anos 40, a foto da garota-propaganda Eleonora Fuchs, de 19 anos, ilustrava os pôsteres do então Chica-bon, com os dizeres "sorvete formidável" e o valor de CR$ 1,50 (imagem ao lado). Eleonora recebeu críticas pela frente única decotada que usava na foto e largou os trabalhos de modelo para casar. Ainda assim, não se livrou do "carma" do sorvete: é chamada de miss Chicabon até hoje, aos 79 anos.

FONTE: Revista Folha

Água na boca: Folhado de bacalhau

Para iniciar bem a semana reservamos uma receita prática e gostosa da Bacalhau Dias para o Dia dos Namorados. Confira! 


Folhado de bacalhau
Receita para 4 pessoas
Crédito: Bacalhau Dias

Ingredientes:
400 grs de migas de bacalhau Dias
50 grs de farinha
50 grs de manteiga
500 ml de leite quente
50 ml de Azeite virgem extra
30 grs de cebola picada
5 grs de cebolinha
30 grs de alho-poró
200 grs de massa folhada
Sal e pimenta a gosto
Gema para pincelar

Modo de Fazer:
Cortar a cebola e o alho-poró em rodelas fininhas e picar a cebolinha.
Colocar um pouco de azeite numa panela e refogar a cebola e o alho-poró com o bacalhau. Adicionar a manteiga e a farinha e mexer até a manteiga derreter.
Juntar o leite e deixar engrossar, temperando com sal e pimenta. No final adicionar o cebolinho picado.
Cortar 4 quadrados de 6x6 cm de massa folhada e com as costas de uma faca, marcar um xadrez. Pincelar com um pouco de gema e assar no forno quente (220 ºc) durante aprox. 15 minutos ou até a massa estar bem crescida e dourada.
Abrir os folhados ao meio e colocar um pouco deste recheio no centro da massa, cobrindo com a outra parte que tem o xadrez.
Servir sobre uma salada de alfaces ou rúcula.

sexta-feira, 18 de maio de 2012

Dica do blog: Delícias para comer com os olhos!


Quem não gostaria de deixar a vida um pouco mais doce? Pensando nisso a Candy Cake criou presentes na forma de sobremesas artesanais! Isso mesmo: a Candy Cake usa toalhas de banho e lavabo para confeccionar bolos, bolinhos, rocamboles, sundaes, milk-shakes e outras guloseimas adocicadas feitas para “comer com os olhos”! Estava precisando de uma ideia criativa para presentear? Encontrou!
Todos os produtos são encontrados no Airu (www.airu.com.br), comunidade online de produtos autorais.

Foto da semana


Biscoitos amanteigados delicados, mil folhas que desmancham na boca, croquetes de carne sequinhos e crocantes, além de pães e embutidos artesanais. A Casa do Alemão é parada obrigatória! O blog selecionou, para a foto da semana, o delicioso pão com lingüiça, uma das opções de lanche mais pedidas. Tanto o pão quanto a lingüiça são de fabricação própria. Uma explosão de sabores.

SERVIÇO
Casa do Alemão Petrópolis

Av. Ayrton Senna, 927 - Quitandinha
Petrópolis, Rio De Janeiro -RJ
Telefone: (24) 242-3442

Rua 16 De Março, 138 - Loja
Petrópolis, Rio De Janeiro - Rj
Telefone: (24) 242-4533

Receita do blog: Sopa de couve-flor com brie


 Foto ilustrativa
Com a chegada do friozinho, nada como uma boa sopa para esquentar e agradar o paladar. Perfeitas para essa época do ano, sopas, caldos e cremes elas são uma boa pedida tanto pela temperatura quanto pela praticidade no preparo. Selecionamos essa de couve-flor que é de fácil preparo e simples de fazer, além de deliciosa. Confira!

Ingredientes
1 Couve-flor picada (de preferência das maiores)
350g de queijo brie (descascado e picado)
50g de manteiga
2 litros de caldo de carne
Queijo parmesão para gratinar
2 latas de creme de leite com soro
 3 colheres de sopa de farinha de trigo

Preparo
Depois de limpa,  refogue bem a couve-flor picada, acrescente o caldo de carne e deixe cozinhar até amolecer.

Espere esfriar e bata no liquidificador com a farinha. Volte à panela com o creme de leite e o queijo brie picadinho. Ajuste o sal e deixe o queijo derreter bem. É uma receita de preparo simples e muito saborosa. 

Se quiser, na hora de servir polvilhe com pedacinhos de queijo ou com pequenos raminhos de couve-flor por cima.