segunda-feira, 4 de julho de 2016

Bistrô com sotaque Francês é sucesso em Itaipava

 Barão Bistrô chega com conceito de um típico bistrô francês, reunindo pratos 
clássicos, uma adega repleta de rótulos internacionais e serviço rápido.



 Chef Barão e equipe. (Maria Mattos)

Itaipava acaba de ganhar um cantinho tipicamente francês. O renomado chef Barão, que
já trabalhou ao lado de Claude Troisgros e no Copacabana Palace, acaba de inaugurar o Barão Bistrô. O lugar, uma ampliação do Barão Gastronomia Ateliêr – já comandado com maestria pelo especialista há 12 anos –  traz o conceito clássico de requinte e bom gosto de um espaço tipicamente francês, em meio à tranquilidade e natureza região serrana do Rio. O Bistrô contará com o apoio dos chefs auxiliares Marcus Teles, Rodolfo Franco e Rachel Ferreira. A equipe,
comandada pelo Barão, será responsável por administrar a cozinha sofisticada, que vai de pratos tradicionalmente populares como cafés quentes e gelados, sopas, caldos e saladas, até massas e sanduíches gourmet como: hambúrguer de costela ao molho barbecue, cebola roxa e queijo cheddar, batata rostie e salada de folhas de montanha, e o dueto de mini hambúrguer de javali e cordeiro, além de muitos outros. 
Marca da gastronomia do chef Barão, a casa também contará com petiscos e pratos exóticos mais elaborados como coxinha de avestruz, quiche de rabada com salada de agrião, carpaccio de picanha defumada, pastéis e quibes de javali, além da codorna à passarinha com batatas dorê e alho. Uma verdadeira atração à parte. Já quando o assunto é sobremesa, o bistrô segue a linha exclusiva e ousada do chef Barão e traz receitas como pudim de tangerina com calda de gengibre, torta de chocolate sem glúten com calda de maracujá, além do sorvete de baunilha, que garantem uma experiência única ao paladar dos clientes. 
Para os amantes de vinho, o bistrô também possui uma adega repleta de rótulos internacionais, como o tinto encorpado italiano Super Toscano Radaioa (R$700,00), o vinho encorpado, denso e concentrado original da França: o Chateauneuff Du Pape Basquet De Papes (R$575,00) - este vinho se apresenta em camadas complexas, é um dos melhores desta safra, e poderá se bonificar por mais de duas décadas. Outras sugestões são os de origem chilena: Tabali Paynen Syrah (R$650,00) e Tabali Reserva Cabernet Sauvignon (R$94,00) – de cor rubi intensa, de capa alta, são ideais para um jantar romântico em casal. Tem aroma de framboesa e deixa um fundo tostado na boca. Já o argentino Terrazas Reserva Malbec (R$180,00) tem grande intensidade de frutas, é encorpado e marcante.  
Diferentemente do Barão Gastronomia Atelier, o Barão Bistrô ficará aberto ao público, sem necessidade da realização de reservas com funcionamento no esquema de almoço e jantar. Contará com música ao vivo, recebendo atrações diversas. Para a temporada de inverno, o Barão Bistrô apresenta ainda um cardápio exclusivo de fondues, que contemplará seis opções excêntricas.
Entre as opções estão: fondue de queijo brie acompanhado de brócolis, couve flor, alho poró, batata, mini ciabatta e damascos (R$110,00); fondue de damasco, que acompanha queijo brie e sorvete de baunilha (R$80,00); fondue de carne, que acompanha batata rostie e os molhos: queijo, sálvia com amêndoas, alho, tomate seco, au poivre e azeitonas pretas (R$150,00); o exótico fondue de cordeiro, que também acompanha batata rostie e os molhos: queijo, sálvia com amêndoas, alho, tomate seco, au poivre, e azeitonas pretas (R$190,00); e o fondue oriental, que leva frutos do mar e legumes (R$180,00). 

Serviço
Barão Bistrô
Horário de funcionamento aberto ao público: de quarta-feira a sábado de 12h00 às 23h00 e aos domingos das 12h00 às 17h00.  Número de lugares: Mesas para: 60 lugares
Cartões: Master e Visa
Endereço completo:  Estrada União Indústria, 13.581 - Itaipava - Petropolis – RJ
Telefone:  (24) 2222-2669
Estacionamento próprio e segurança local.
Site: www.baraogastronomia.com.br
E-mail:  contato@baraogastronomia.com.br 
Crédito: Maria Mattos


Do freezer à lenha

A gastronomia da Serra Delícias tem novidades nesse inverno


Sônia oferece o serviço 'minha chef em casa'


por Anna Paula Di Cicco
Quem já está acostumado com as maravilhas gastronômicas da Serra Delícias tem mais um motivo para comemorar neste inverno. O cardápio, que era composto somente de congelados, agora ganha a versão “à lenha”. Os Kits continuam sendo oferecidos sob encomenda, o que permite a proprietária Sônia manter os pratos elaborados de acordo com o gosto de cada cliente.
“Aqui cada prato é personalizado, feito a gosto do freguês. Só usamos temperos que cada um nos relata na ficha de cadastro. Por esse motivo não temos pronta entrega. Nosso atendimento é exclusivamente por delivery, com entrega na hora marcada, sempre com pedidos feitos com antecedência mínima de dois dias.”, ressalta.
Esse tipo de atendimento ainda garante que a comida esteja sempre fresquinha, já que por se tratar se pratos personalizados, nada pode ser feito em grande quantidade. E a dedicação e o primor da qualidade é o que estão fazendo a Serra Delícias subir outros degraus, levando Sônia a abrir o leque de opções de seu negócio.
“Alguns pedidos me fizeram repensar na atividade da gastronomia. Comecei com o 'minha chef em  casa'. Ou seja, vou até a casa do cliente, onde preparo o almoço ou jantar, seja de aniversário ou outras comemorações. Está sendo muito bem aceito”, comemora.
Mas quem pensa que o inverno por si só já é um chamariz para o ramo alimentício, Sônia garante que hoje as pessoas são atraídas por outras coisas, como a praticidade.
“No inverno as pessoas realmente comem mais caldos e massas. Mas aqui temos nossa
freguesia cativa, nossos clientes são do ano todo. Isso pela facilidade que eles encontram em chegar em casa e apenas aquecer a refeição, sem ter que pensar no que vão fazer. Aqui a praticidade fala mais alto”, aponta.
E falando em cozinha prática, a grande ascensão da Serra Delícias, que surgiu há 16 anos com a  venda de empadas, se deu com o menu de congelados. “Percebi que a cada dia que se passava, o tempo para as donas de casa se dedicarem à cozinha era menor. Então surgiu a ideia dos congelados, pois vi a necessidade das pessoas terem uma alimentação variada e de qualidade. E assim foram surgindo os kits semanais”, lembra.
O cardápio dos kits é renovado a cada semana. “Eu busco inovar incluindo sempre com carnes, frango, peixe, massas e legumes. O arroz as pessoas podem optar pelo branco ou integral”.
E independente de se tratar de comida congelada, Sônia garante que o visual conta e muito na comercialização dos pratos. “São 32 embalagens e, sobre a montagem dos pratos, posso dizer que as pessoas comem primeiro com os olhos. Eu acho muito importante esse carinho que se passa na elaboração”
Neta de espanhola e vinda de uma família que muitos gostam de cozinhar, podemos dizer que Sônia se encontrou na cozinha. “Antes de começar na gastronomia, fui professora. Trabalhei durante 28 anos em uma escola, mas sem nunca deixar de lado o amor pela elaboração de pratos. Gosto da alquimia dos sabores e aromas”, finaliza Sônia. E os clientes? Agradecem!

Serviço
Serra Delícias

Encomendas: (24) 2243-7947

Padaria investe em Cardápio Fit

Tapioca, Crepioca e Pão de Queijo de Frigideira eliminam o glúten e promovem energia



Crepioca banana com canela e mel

O tradicional balcão da Padaria Sul América está diversificando a venda de produtos. Além da vasta linha de pães, biscoitos, salgados e doces que é conhecida dentro e fora da cidade, o local agora passa a atender um público ligado em alimentação saudável com a criação de um Cardápio Fit, elaborado pela nutricionista Bianca Strucchi, que elimina o uso de farinha de trigo.
“A ideia foi unir qualidade e ingredientes que contribuam para o bom funcionamento do organismo, para isso utilizamos cuidadosamente cada ingrediente”, lembra a nutricionista que também atende nas academias One, Pro Quality e K2 Fitness.
Dentre as novidades estão a Tapioca (queijo e presunto, queijo minas e orégano, frango com requeijão e tomate, banana com canela e mel), a Crepioca (queijo e presunto, queijo minas e orégano, frango com requeijão e tomate, banana com canela e mel) e o Pão de Queijo de Frigideira (com recheio de requeijão com presunto ou peito de peru).
“A diferença é que o pão de queijo leva polvilho, tapioca e ovo. Já a crepioca leva tapioca, ovo e farelo de aveia que tem fibras, sustente mais e tem menos caloria. Também oferecemos uma opção totalmente sem glúten, substituindo o farelo de aveia por chia, linhaça ou quinoa”, informa.
A tapioca, principal ingrediente utilizado no Cardápio Fit da Padaria Sul América, é um alimento natural com baixo teor de sódio, sem gordura, rico em carboidratos de fácil digestão e sem glúten. Tanto a tapioca quanto a crepioca e o pão de queijo de frigideira podem ser incluídos na alimentação em diferentes horários do dia.
A nutricionista Bianca Strucchi dá dicas para o pré e pós-treino. “Para o pré-treino recomenda-se tapioca ou crepioca de banana com canela (por ser a canela um termogênico e a banana um carboidrato de fácil absorção que auxilia no ganho de energia). Já no pós-treino, o ideal é a crepioca de frango com tomate, por exemplo, porque a proteína do frango junto a um suplemento ajuda no ganho de massa muscular”, finaliza.


Um frio e um vinho nacional...

Vamos lá...serve uma taça de vinho brasileiro e vamos conversar!


por Flávia Medeiros*


 O Brasil possui vinhos brancos, roses e tintos de grande qualidade

A produção não fica só nas bolinhas. Temos brancos, roses e tintos de grande qualidade. Temos vinhos simples e caros, uns com qualidade e outros nem tanto!
Neste país continental temos antigos e tradicionais terroirs, como na Serra Gaúcha, no extremo sul do país e outras novíssimas regiões como o cerrado no centro do país, passando pelo paralelo 8 na região do Vale do São Francisco, no nordeste do Brasil.
As uvas tintas também já encontram seu lugar em nossa terra. A Merlot já se adaptou e garantiu o primeiro AOC nacional. Outras tintas se destacam, como a Syrah no Vale do São Francisco e a Tannat na Campanha Gaúcha.
Os brancos ficam melhores a cada ano. A Sauvignon Blanc na Serra Catarinense é um destaque e a Chardonnay no Rio Grande do Sul é absolutamente agradável!
O que precisamos quebrar é o PRÉ conceito contra o vinho nacional. Temos impostos altos, isso é fato, mas pensem que há produtores investindo muito para nos trazer uma repaginação dos vinhos. Muitos produtores optam por produção limitada de seus vinhos que os tornam jóias que muitas vezes nem alcançam todo país. Porém alguns consumidores torcem o nariz quando falamos de vinho brasileiro, grave erro! Outro erro é comparar vinho nacional com vinho estrangeiro, as vezes outras uvas e até terroir. Isso não dá certo caro leitor, vinho brasileiro se compara com brasileiro, melhor ainda da mesma região. Assim como vinhos chilenos com chilenos e assim por diante.
Rapidamente vou falar sobre duas tintas mais utilizadas no Brasil.

Merlot...
Possui alta capacidade de adaptação sem perder qualidade com os mais variados climas e solos. Muito versátil, também é utilizada em corte com outras uvas. Um clássico Merlot possui cor intensa, elegante, um corpo médio e com o passar dos anos seus taninos ficam bem sedosos.

Cabernet Sauvignon...
A rainha das tintas é resultado do cruzamento da Cabernet Franc com a Sauvignon Blanc. Muito sensível e com aromas herbáceos marcantes como o famoso pimentão verde. Estes vinhos são um tanto duros e tânicos em sua juventude, mas o tempo só faz melhorar a sua qualidade.
Essas duas castas que acabei de descrever, são as mais procuradas pelos brasileiros principalmente no inverno. Harmonizam com massas, sopas, fondue, e até um bom churrasco.

Volto a dizer, vinho bom é aquele que nos agrada e PRÉ conceito é algo que pode lhe tirar o prazer de novas descobertas.
Defendo o Vinho Nacional, trabalho com eles alguns anos (como a Vinícola Battistello na foto), sou defensora do custo X benefício, mas sou consumidora também.
Não indico o que não conheço, e não recomendo um vinho apenas por tendência de mercado, recomendo por paixão!
Um brinde ao inverno!



(*) Consultora em vinhos e com especialização na área. No Brasil é uma das poucas profissionais que conta com a certificação Wine & Spirit Education Trust – Level 2. Contato: chateaumedeiros@hotmail.com